Google+

12 de out de 2014

Quarto de brincar (com vídeo de antes e depois)

Em um quarto extra de um apartamento, o casal de clientes pediu um quarto de brincar para sua filha, que pudesse ser usado ocasionalmente para receber visitas de parentes, dispondo de espaço para uma cama. 

Como o quarto não era tão grande e uma cama poderia reduzir demais o espaço da menina para brincadeiras, projetei o móvel abaixo, com tripla função: servir de palquinho e espaço de armazenamento de brinquedos (com gavetas embaixo), além de ser suporte para um colchão (futon) no dia em que precisarem de uma cama para visitas. A altura do móvel (35cm) ficou adequada para que a criança suba e desça sozinha e também fica confortável com um acréscimo de futon  para se deitar. Tive o cuidado de fazer as gavetas recuadas para que o puxador não ficasse saliente e, portanto, não machucasse a criança ao subir e descer.



A mesinha também foi encomendada na mesma marcenaria, dispondo dos mesmos acabamentos, mas preferi que ela não fosse fixa, pois tem dimensões infantis e um dia poderá ser substituída.



Outro pedido da proprietária era a disponibilidade de uma lousa para quando a filha do casal crescer: ela vai poder soltar a criatividade! Usamos um verdinho bem suave nas paredes do quarto ("Citronela" da Suvinil), no mesmo tom do verde-lousa. Já na parede da janela, o papel de parede faz referência ao verde das demais paredes e também ao rosa presente na cadeirinha e nos brinquedos.


O palquinho é mais um espaço de brincadeiras, não apenas um espaço para cama. Aliás, a pequena amou brincar em cima dele!



Vemos que há bastante espaço de armazenamento ao alcance das mãos da criança, permitindo que ela desenvolva autonomia e que lhe seja ensinado organizar os brinquedos depois de brincar!



Abaixo, à esquerda, o detalhe da iluminação geral, que é direcionada para cima, usando o teto como rebatedor e gerando uma iluminação difusa suave. À esquerda, a princezinha sentada em uma cadeira Panton versão infantil! Uma graça!



Veja o vídeo com o antes e depois:


Muita diferença, não?



Érica Marina

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...